Como viver de comunicação e turismo na prática

Guri In London - Rafa Maciel


O bate-papo “Viver de Comunicação e Turismo em Londres” aconteceu no dia 22 de março, na Universidade de Caxias do Sul (UCS), no Rio Grande do Sul, com a presença de Rafa Maciel, criador do canal Guri in London, no YouTube. O microempreendedor e apresentador aproveitou a oportunidade para conversar com a plateia sobre seu trabalho como guia de turismo na capital inglesa e para compartilhar dicas exclusivas sobre produção de vídeos para a internet.

Rafa Maciel, 26 anos, volta a UCS, onde estudou parte do curso do jornalismo antes de se mudar para Londres, em janeiro de 2014. Atualmente, ele é agente de turismo em Londres e desenvolve roteiros temáticos para turistas brasileiros que visitam a capital inglesa. Seu blog e também o canal no YouTube são utilizados como meio de interação com o público alvo e para captação de potenciais clientes para seus passeios guiados.

Scheila Salvati, diretora da CI intercâmbios de Caxias do Sul (RS) entrega presente ao palestrante. Rafa Maciel durante o bate papo. E equipe Mazáaa! comemorando o evento.

Durante o encontro, o apresentador falou sobre seu desenvolvimento profissional. Relembrou o tempo em que criava conteúdo de forma amadora para o seu primeiro blog de humor, apenas para satisfação pessoal, até chegar no crescimento repentino de seus canais e redes sociais na atualidade.

Para o apresentador, as experiências adquiridas o ajudaram a construir uma carreira de forma mais espontânea.

“Meu primeiro vídeo foi feito com uma câmera Cyber-Shot e um microfone improvisado. Era um show do Jorge e Mateus. Inclusive, ele está no YouTube ainda. Por favor, não procurem”, brincou Rafa Maciel.

Aliás, um dos principais pontos abordados durante o bate-papo foi este: a forma com que Rafa conduz seu trabalho. Sempre com muito bom-humor e quebrando o paradigma de que é necessário grande investimento para começar um negócio, o canal Guri In London vai na contramão e é mantido com poucos recursos, a base de parcerias e colaborações.

Hoje, o sustento do profissional vem principalmente dos passeios temáticos que ele desenvolve em Londres e de algumas verbas que recebe do YouTube graças ao número de visualizações dos vídeos que ele produz. As gravações são feitas por um amigo, que trabalha com fotografia em Londres e faz gratuitamente o serviço de filmagem. Há também uma amiga, que participa de forma esporádica das gravações.

"Self" registrada por Rafa Maciel ao final do encontro em Caxias do Sul.

“Mais importante que o equipamento usado é a forma com que tu faz o teu trabalho. Se não tem como ter um bom programa para edição, ou a melhor câmera, então prepara um roteiro bom, um bom texto. Isso com certeza vale mais que o restante”, afirma o empreendedor.

Além disso, Rafa conta que o YouTube é um ótimo parceiro para quem trabalha com vídeos e deixa dicas para conquistar maior alcance na rede:

“Tem que ser assíduo na postagem de vídeos e tomar cuidado com os detalhes. Fazer vídeos de 6 a 12 minutos por questões técnicas da rede, para quem pensa em ganhar dinheiro. Tem que saber usar tudo que tem a tua disposição lá. É só pesquisar um pouco. As ferramentas estão todas ali. Tem que ir atrás”, aconselha.

As diversas histórias contadas por Rafa ajudaram a indicar caminhos de partida para quem pretende seguir nesse mercado. As dicas de como planejar conteúdo, formas de interagir com o público e o processo usado para a criação e edição de seus vídeos foram de grande valia. Rafa mostrou que utiliza uma tabela muito simples no Excel para organizar suas ideias para vídeos e cronogramas de produção e publicação. Nada mais do que 5 colunas divididas entre ideia principal, observações e recursos, tempo de gravação, data de gravação e “status”.

Geralmente, o apresentador leva de 20 a 30 minutos para gravar os seus vídeos e, desse trabalho, extrai cenas que resultam em produtos de 8 a 10 minutos em média de duração.

Guri In London - Rafa Maciel

Ao final do evento, Rafa abriu espaço para responder às perguntas da plateia. Foi quando se pode ouvir algumas reflexões do convidado como:

"O mais estranho é que, quando a gente sai do nosso país, ou fica um tempo fora... Depois, volta. Aqui já não parece mais a nossa casa. E sim, lá fora. Por aqui, tudo mudou. Eu mudei. A cidade onde nasci, mudou. Tudo mudou. Já não é mais o mesmo.", conta Rafa Maciel.

"Aprendi que não é o aparelho ou o programa que uso que faz um vídeo ter mais visualizações. Mas sim, o conteúdo. Se o conteúdo, o texto ou o vídeo faz sentido pro espectador e ele se identifica contigo, pronto, tu conquista a atenção dele. Ele te diferencia dos demais.", encerra o apresentador e agradece às 42 pessoas presentes no encontro.

Para saber mais sobre Rafa Maciel, acesse seus canais:

Blog Guri In London
Guri In London no YouTube
Guri In London no Instagram
Guri In London no Facebook
Guri In London no Twitter




Autor: Daniel Ribeiro Cararo
Colunista Colaborativo do Mazáaa!